Páginas

sábado, 27 de setembro de 2008

ia,iA,ia... momento nostalgia!

A idéia de pensar na vida como uma roda gigante... Prefiro não pelo óbvio dos altos e baixos, mas que realmente a vida, como uma, dá voltas. Hoje, parar para pensar nas coisas que aconteceram me divertem e me dá coragem para insistir naquilo que acredito. Que aprendi acreditar. Olhar para trás não é como refletir ou lembrar do passado, mas ter a certeza de que tudo um dia foi parte de mim e que eu fui parte desse tudo que aconteceu. Sei que fiz pessoas rirem, outras nem tanto. Sei que fiz alguém chorar em algum momento... E chorei por alguém. Decorei expressões, sorrisos, jeitos. Lembro de muitos abraços que dei e que gostaria muito de dá-los outra vez. Noites mal dormidas, noites bem dormidas e horas perdidas. Não tem mais café! Tudo bem... A gente inventa. Faz bem lembrar das verdades. Faz bem lembrar daqueles que me disseram a verdade, sem medo de me machucar. Eles sabiam que era preciso. Existiram os que achei que iriam caminhar comigo pelo resto da vida... Todos estão muito longe. Passos juntos? Pelo contrário, bem distantes! Mas damos passos na mesma direção. Chuva, sol, vento, frio, calor... Desliga o ventilador! Me empresta isso ou aquilo... Me empresta seu tempo? Preciso de alguém para me ouvir!

Faz bem lembrar! Lembrar sem medo de perder o que já passou. Ninguém perde aquilo que nunca ganhou, mas se é seu mesmo, ninguém pode tirar de você. E a vida é mais ou menos isso. Não, a vida é exatamente isso. Como se estivéssemos escrevendo um livro e cada dia fosse um capítulo. Às vezes é preciso voltar umas páginas pra ler aquilo que marcou você. Riscadas, dobradas... Páginas laçadas fora. Uma Coca-cola, um biscoito no fim da tarde, um Club Social até que o sino toque... Lava meu prato? Leva meu coração contigo? Liga pra mim quando puder...
Uma manhã sentada na grama, algumas horas e outras bobagens, um filme, passas, caminhada na beira do mar. Nossa... eu adoro lembrar desses dias! Até porque, mesmo que a gente insista... Tem coisas inesquecíveis!

Ps.: Não é para rir, afinal só estou sendo sincera! Nath, ficou uma camiseta sua de cor bege comigo. Eu a uso! Bianca, aquele seu lencinho verde ficou comigo. Também uso. Dani, o lenço amarelo que você me deu está pendurado em meu guarda-roupa. Geovana, a dourada e a prateada ficaram em meu estojo! Foi mal amiga... estão bem guardadas! Eliethe... fiquei com nada seu não! Só a paixão pelas passas, mesmo pq eu não me interessei pelos seus terninhos. Cátia, sua eu fiquei com a inspiração! Mariana... com o coração... Noêmia, com a razão! Ainda amo vocês!

By Aline:)

Um comentário:

Nathália disse...

amooooooooooooore
que lindo!! eu ainda uso aquela blusa verde que ficou comigo!!!! :D
saudades sempre!!!!!!!!!
amo-te